(41) 3501-8078

(41) 99604-3796

Blog

Periodontite e o risco para as grávidas

Compartilhe esse post

A periodontite é uma infecção bucal grave que destrói a gengiva e até mesmo os ossos que dão suporte aos dentes. Geralmente, é causada por má higiene oral e pode chegar à perda do dente, além de ser um fator de risco para doenças cardíacas e pulmonares. A doença é comum, mas evitável.

 

Os sintomas começam brandos, sem dor e incluem gengivas inchadas, vermelhas e sensíveis. Por esse motivo, muitas pessoas percebem os sintomas mas não mudam os hábitos higiênicos. O tratamento inclui limpeza profissional das bolsas ao redor dos dentes para evitar danos ao osso circundante. Em casos mais graves, cirurgias podem ser exigidas pelo profissional de odontologia para conter os danos que podem ser gravíssimos, já que as bactérias não ficam restritas à boca, mas podem viajar pelo corpo todo e afetar, inclusive, a corrente sanguínea.

 

Há um grupo em específico que pode sofrer os efeitos da periodontite de forma mais drástica: as gestantes. Estudos da Universidade Pedagógica e Tecnológica da Colômbia e Miguel Hernández de Elche, da Espanha, revelaram que gestantes com periodontite correm um risco duas vezes maior de passarem por um parto prematuro. Foram analisados dados de 20 artigos científicos e mais de 10 mil mulheres do mundo todo participaram da pesquisa que chegou à seguinte conclusão:


  • A associação entre periodontite e o aumento da possibilidade de parto prematuro (ocorrido com menos de 37 semanas de gravidez) foi confirmada em 60% dos levantamentos.

 

Isso acontece pois, como já citado anteriormente, as bactérias são capazes de viajar da boca para o restante do corpo e se um agente infeccioso chega no útero, o sistema imunológico aumenta a produção da prostaglandina, uma substância que ajuda a combater esses inimigos e também induz ao parto.

 

Um fator que pode ser ainda mais preocupante sobre a propensão das gestantes de desenvolver periodontite e gengivite é o aumento na concentração de hormônios durante a gestação, o que faz com que a gengiva inflame com mais facilidade.

 

Mas calma! O processo de desenvolvimento da periodontite é lento e pode ser tratado antes do agravamento. O ideal é que toda a população, e principalmente as gestantes, visitem o odontologista regularmente para que a doença seja detectada e tratada logo no início e que pratiquem uma higiene bucal de qualidade visando a prevenção dessa e de outras infecções. 

Tags

  • #prenatalodontologico #prenatal #maes #gestacao #gravidez #mamaes #gestacaosaudavel #pregnant #gravida #gravidasaudavel #bebesaudavel #maedeprimeiraviagem #prevencaoodontologica #prevencaobucal #partoprematuro #gestantes #futurasmamaes #dicasdematernidade #maeebebe #maternidade #periodontia #gengiva #periodontite #prevencao #odontologo #dentista #odonto #saudebucal #odontologiapreventiva #odontologiacuritiba

Comentários

Compartilhe esse post

Entre em Contato Conosco